Passionfruit

Em planos distantes à razão
fundem-se energias sem nitidez
sonolentas pelos salões de aconchego,
entorpecentes
na boate de fantasmas.

Faz-se da música a calma
e tudo que é metafísico se solta
e relaxa em frequências baixas
e dorme mesmo morto
na boate de fantasmas.

Anestesias para dores que estiveram
um dia, que choro fizeram um dia
E ondas grandes e lentas como o mar,
como o mar dos vivos
na boate de fantasmas.

Os desimportantes ditos e não ditos
de épocas da carne e da mente
são nada, nada! E perguntemos
o que poderiam ser
na boate de fantasmas?

Lembranças espalhadas pelo chão
de passadas casas velhas e novas
e paixões de família e afins.
Como é bela a morte
na boate de fantasmas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s